<$BlogRSDUrl$>

África acolhe o papa 

Vivência nas comunidades
A visita do Papa é um destaque da vivência pastoral deste trimestre (Janeiro a Março) na Diocese de Benguela. Os trabalhos desdobram-se em zonas pastorais com o secretariado de pastoral a promove encontros com os agentes. Padre Manuel Abel dos Santos, o coordenador diocesano, até ao momento já visitou tadas as zonas para apresentar a linhas de orientação deste trimestre. Em toda Diocese também já foi distribuída a oração preparatória da visita do Papa, onde ses lê: " Dai-nos um grande espírito de fé para acolhermos o Santo Padre como se fosseis Vós mesmos a visitar-nos e dai-nos docilidade para acolhermos bem a sua palavra..."
Bento XVI, segundo o programa, não sairá de Luanda durante os dias da visita. Por isso, todas as diocese de Angola estão em movimento para acolherem o Papa na capital de Angola. Um desdobrável já foi lançado em todas as comunidades e espera-se que um vídeo também seja lançado para ajudar a sensibilizar o povo em torno do evento.
Angola e Camarões
As duas comunidades africanas preparam em contagem decrescente a vinda do Papa. Faltando pouco dias da visita de Bento XVI a estes dois países africanos, em Março deste ano, os bispos dos dois países já têm os programas de actividades que irão marcar a agenda do Santo Padre. Depois do já conhecido anúncio feito por Bento XVI na praça de S. Pedro em Roma, em Outubro passado, de que “é minha intenção deslocar-me aos Camarões e (…) prosseguirei para Angola”, os preparativos para acolher o Papa nestes dois países estão a intensificar-se conforme a realidade que marca as respectivas Igrejas em conjugação com os motivos que trazem o Sumo Pontífice. Bento XVI vai deslocar-se pela 11ª vez numa visita internacional e pela 1ª vez a África. Para Camarões, será a 3ª vez que o país receberá a visita de um Papa, contando com as duas primeiras de João Paulo II em 1985 e 1995; enquanto Angola receberá pela 2ª vez uma visita papal, sendo a primeira de João Paulo II em 1992. Em camarões, segundo a programação, chama atenção, o encontro com os representantes da Comunidade Muçulmana dos Camarões e o encontro com o mundo do sofrimento, no centro Cardeal Paul Emil Léger dois grandes desafios da Igreja em Africa que certamente constituíram reflexão no documento preparatório da Assembleia Especial do Sínodo dos Bispos para África.
Angola foi o primeiro país da África Subsariana a receber a semente do evangelho quando o navegador Diogo Cão chegou à foz do rio Zaire, em 1482, e estabeleceu os primeiros contactos com o rei do Congo. Passado o período colonial, o país possui o maior número de católicos da região austral da Africa. O papa em Angola vem celebrar, confirmar e animar a Igreja para os desafios. Embora o papa não se encontre com as famílias, chama atenção o encontro com os movimentos católicos para a promoção da mulher e com os jovens católicos.

Comments: Enviar um comentário

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

DIOCESE DE BENGUELA